Full Join

Análise de Dados de um jeito fácil.

Comex Vis E a Visualização De Dados No Brasil

| geral

No dia 28/07/2016 a Secretaria de Comércio Exterior lançou o Comex Vis, uma ferramenta de visualização interativa de dados do comércio exterior brasileiro. Nesse post faremos alguns comentários sobre o Comex Vis e sobre a visualização de dados em geral.

O que é visualização de dados?

Nada mais é do que representar graficamente uma informação. Em outras palavras, é pegar uma informação abstrata, seja numérica ou textual, e representá-la com padrões visuais e formas geométricas.

Não se trata de uma novidade. Na verdade, isso é algo bem antigo, desde os primórdios da matemática já desenhavam gráficos e formas para representar dados. Porém, com os avanços tecnológicos e aprimoramentos no web design, as visualizações de dados estão alcançando outro patamar: deixando de ser apenas estáticas e passando a ser interativas.

Por que isso é importante?

De alguma forma o cérebro humano compreende melhor padrões visuais geométricos do que planilhas com diversas linhas de números ou textos. Ou seja, ao olhar um gráfico, é muito mais provável que você compreenda aspectos dos dados representados mais rapidamente do que olhando uma tabela com os mesmos dados desse gráfico.

Portanto, a visualização de dados é um jeito mais simples e rápido de transmitir uma informação baseada em dados. Isso torna a visualização um artifício bastante poderoso para exploração, análise, insights e comunicação de dados, tornando os principais aspectos de um conjunto de dados algo mais rapidamente compreensivo e intuitivo.

Visualizações interativas

O que temos notado é que as instituições mundo a fora que trabalham com divulgação de dados estão extrapolando as visualizações estáticas e aderindo a uma nova tendência de visualização interativas de dados.

E como anda esse tema no governo brasileiro?

Felizmente parece estar indo bem! A seguir comentaremos sobre algumas iniciativas que mostram que o tema está evoluindo e cada vez mais presente na administração pública. De certa forma, isso é um avanço na transparência e na disseminação de dados públicos.

Comex Vis

A SECEX (Secretaria de Comércio Exterior) lançou o Comex Vis: uma ferramenta de visualização interativa de dados do comércio exterior brasileiro.

O objetivo do projeto é disponibilizar visualizações interativas dos dados de importação e exportação brasileira, cobrindo diversos aspectos e variáveis: parceiros comerciais, continentes, blocos, produtos e classificações, unidade da federação, etc.

Dessa forma, os consumidores dos dados de comércio exterior brasileiro terão uma alternativa para explorar e navegar nos dados de maneira fácil, sem precisar instalar ou conhecer nenhum outro tipo de ferramenta, bastando apenas internet e um navegador web.

O projeto foi completamente desenvolvido com plataformas livres e gratuitas, como o R e o D3Plus, que é um pacote em javscript (baseado em D3) capaz de criar visualizações interativas concisas, simples e bonitas. O D3Plus é responsivo, ou seja, se adapta e funciona bem em qualquer resolução de tela. Isso torna o Comex Vis funcional no computador, tablets e celulares.

Para integrar o R com o D3Plus, foi utilizado o pacote HTMLWidgets que é capaz de utilizar pacotes em javascript para plotar visualizações com dados processados em R.

O Comex Vis foi inspirando em outros portais que também utilizam o D3Plus, como por exemplo o The Observatory of Economic Complexity, o Data USA e o excelente Data VIVA, desenvolvido inicialmente com o apoio do governo de minas gerais. Vale muito a pena conhecer todos eles.

Ainda sobre visualização de dados de comércio exterior, o Comtrade, da ONU, tem um portal com diversas divulgações interativas: o Comtrade Labs

Outras iniciativas

Falando sobre divulgação de visualizações interativas no governo, o BNDES também tem uma página com diversos gráficos: o BNDES Transparente. Lá é possível navegar e explorar dados sobre financiamentos do BNDES, taxas, prazos e desembolsos. Os gráficos foram construídos em Tableau, uma poderosa ferramenta de BI, porém, não é gratuito.

Existe também uma boa iniciativa do governo federal para criar uma plataforma com diversos tipos de visualizações sobre uma grande variedade de dados, o VisPublica.

Já a FGV, utilizando dados públicos, criou uma ferramenta de visualização interativa de dados voltada para exploração dos desembolsos públicos, chamada Transparência Orçamentária.

O Banco Central também elaborou algumas visualizações para visualizar os dados do Censo de Capitais Estrangeiros no Brasil. As visualizações foram geradas utilizando D3 e d3plus.

E você, conhece mais alguma iniciativa do setor público que utiliza visualização interativa de dados? Conte-nos nos comentários!

Mais sobre visualização de dados

Se você está interessado em aprender mais sobre visualizações, assim como nós, recomendamos alguns sites que podem ajudar nessa jornada:

DataViz Catalogue - Um excelente catálogo explicativo sobre diversos tipos de visualizações, incluindo como e quando usá-las, seus pontos fortes e pontos fracos.

O`Reilly - Effective Data Visualization - Uma sequência de videos explorando diversos aspectos sobre visualização de dados. Infelizmente nem todos os videos são gratuitos, mas os gratuitos já são excelentes.

Tem alguma dúvida, crítica ou sugestão? Deixe o seu comentário! Ficaremos felizes em ajudar.

Comentários

Copyright © 2017 - Full Join - Powered by Octopress